Em 1999, Christina Aguilera se lançava oficialmente e definitivamente na indústria da música global, assinando o seu primeiro contrato com uma gravadora e lançando o seu primeiro álbum de estreia que trás o seu nome.

Um pouco antes de assinar o seu primeiro contrato com uma gravadora, Christina foi convidada por Ron Fair para gravar Reflection, a canção que foi trilha sonora do filme Mulan, da Disney.

Na época, Christina havia acabado de sair do Clube do Mickey Mouse, também da Disney, e estava à procura de uma nova oportunidade. Foi quando Matt Cosella ligou para o Ron Fair pedindo uma voz potente que alcançasse a nota Mi Alto (5) acima do Dó central com voz de peito, uma nota que poucas cantoras conseguem atingir. Ron se lembrou do demo que tinha com canções da Christina e ligou para ela perguntando se conseguia atingir tal nota. Foi quando Christina perguntou para sua mãe, Shelly (que sempre foi instrumentista) se ela conseguia cantar a nota e a resposta foi: Sim.

Quem já conhece essa história sabe que naquele momento a pequena Christina, de apenas 18 anos, se trancou no banheiro e cantou a música Run To You da Whitney Houston que possuía a mesma nota que Reflection exigia e enviou para o Ron Fair. Na semana seguinte ela recebeu uma ligação dizendo que seu voo para Los Angeles estava marcado e ela começaria a gravar a canção em estúdio. Na mesma semana, ela também acabou assinando o seu contrato com a RCA e lançaria então o seu primeiro álbum: Christina Aguilera.

A Disney sempre foi uma casa para Christina, desde a época do MMC. Reflection acabou entrando para o seu álbum de estreia e ficou imortalizada na animação de Mulan, que está prestes a lançar o Live Action do filme em Março de 2020, produção da Disney.

Para celebrar esses 20 anos de carreira, de músicas, de Mulan e de Reflection, a Disney premiou Christina Aguilera com o prêmio de “A Lenda da Disney” (Disney Legends), que acontece desde 1987, quando foi criado para reconhecer as pessoas que realizaram pelo menos uma extraordinária e íntegra contribuição à Walt Disney.

Então no dia 23 de Agosto de 2019, a premiação aconteceu durante o evento da D23 Expo, que acontece a cada dois anos em Anaheim, sede da Disneylândia e dentro de um dos parques, e Christina Aguilera foi convidada para abrir o evento cantando a então canção Reflection. Confira só a performance:

Em meio a entrega de honrarias e premiações, Christina Aguilera foi chamada ao palco para receber o prêmio “Lendas da Disney” pela sua história crescer junto com a história da Disney. Muito emocionada, ela disse que preparou um discurso mas estava emocionada demais para lembrar. “Receber esse prêmio é melhor do que receber um Grammy”, disse Christina. “Eu sou, talvez, a maior fã louca da Disney, mas perai… eu sei que a competição aqui nesse lugar é páreo duro.”

Com os olhos marejado, Christina disse que sua trajetória de trabalho foi com a Disney e que aquele lugar é como se fosse a sua casa. Relembrou que sua primeira experiência com um parque da Disneyland foi em Tóquio, quando era pequeninha, e que toda vez que vai em Tóquio ela tem que ir na Disney de lá, inclusive disse que sempre que pode leva os dois filhos para lá, também. Christina relembra que a Disney a inspirou a cantar, com o filme A Noviça Rebelde, com Julie Andrews. Quando era pequena, antes mesmo de sonhar em ser cantora, Christina era viciada em assistir o filme e cantar as músicas igual Julie Andrews interpretando Maria. A Disney já a influenciava desde ali e acabou tornando um sonho em realidade.

Muito emocionada, Christina chegou a fazer algo muito raro: foi até o Stories do seu Instagram e gravou um vídeo com a câmera frontal pra falar que estava em seu lugar mais preferido no mundo: Disneyland. E contou sua emoção e em como estava ao receber esse prêmio tão importante para ela. Confira só os stories do Instagram que legendamos para você:

Após a cerimônia, Christina ainda participou de uma coletiva de imprensa e concedeu algumas entrevistas. Em uma delas ela é perguntada sobre a nota da música Reflection, que na apresentação ao vivo saiu um pouco rasgada, porém Christina disse mais uma vez que não é do tipo de cantora matinal e que o fato de estar muito cedo, por próximo das 8 da manhã, ela fez o melhor que pode. Veja só:

Em outro momento Christina foi entrevista pela repórter do Access, famoso programa de fofoca americano, e a entrevistadora acabou levando um fora da Christina ao perguntar sobre Ryan Gossling. Ela questionou se Christina tinha um crush pelo Ryan Gossling na época do MMC, quando eles tinham cerca de 16/17 anos e Christina colocou a pergunta em seu devido lugar: “Isso soa como incesto“.

No pós-evento, Christina foi consagrada uma lenda da Disney em uma cerimônia no qual ela imortalizou suas ‘pegadas‘ deixando as marcas das mãos e um autógrafo em um quadro de concreto que a honrará no Hall da Fama da Disney. Ela também se encontrou com a atriz que fará o filme Mulan e aproveitou para tirarem fotos juntinhas. Confira só o momento:

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of